You are currently viewing Quais alimentos evitar no café da manhã?

Quais alimentos evitar no café da manhã?

Hoje, vamos listar os principais alimentos a evitar no café da manhã.

É muito importante ressaltar que jamais deveríamos nos alimentar com esses itens vide os picos de insulina e inflamação que causam ao nosso organismo.

O corpo humano não está fisiologicamente programado para lidar com altas doses de açúcar e carboidrato assim que desperta de longas horas de sono.

Pelo contrário. Durante a manhã, o organismo está mais sensível à insulina. Quando escolhemos alimentos que vão provocar mais desse pico, estamos causando um enorme desequilíbrio e atrapalhando o bem-estar no cotidiano.

Confira, a seguir, quais alimentos evitar no café da manhã.

1. Pães

Mesmo os pães com farinha integral levam alguma quantidade de farinha branca.

Inclusive, ambas geram o pico de insulina e glicose no organismo humano.

Além disso, os pães contém glúten, o que é um altamente inflamatório para o intestino que acabou de passar pelo reparo ao longo de uma noite de sono.

Isso ocorre porque a molécula do glúten é grande demais para passar pelo trato gastrointestinal, gerando atrito com as paredes do intestino e, assim, resultando em inflamação.

A ingestão do pão no café da manhã pode estar ligada à constipação intestinal ao longo do dia. Portanto, recomendo evitar esse alimento.

2. Sucos

Em especial se o suco for de frutas, coado e tiver origem em caixas, ele deve ser evitado.

O suco de laranja, por exemplo, conta com uma alta carga calórica e glicêmica. Mesmo sendo natural, quando o suco é coado, muitos nutrientes vão embora junto da fibra da fruta.

O que resta é apenas a frutose, açúcar da fruta, responsável por elevar as cargas glicêmicas do organismo e gerar fome e compulsão alimentar durante o dia todo.

Caso goste de consumir sucos pela manhã, opte pelos sucos verdes que levam junto alimentos como couve e pepino. Esses ingredientes ajudam a limpar o organismo e dar energia ao longo do dia.

3. Grupo dos doces

Bolos, geleias, chocolates e outros alimentos ricos em açúcar são altamente prejudiciais para o organismo em especial quando consumidos no café da manhã.

Assim como o suco, também aumentam muito a carga glicêmica, favorecendo que o organismo absorva e retenha a gordura em vez de usá-la como fonte de energia.

4. Cereais

Esse tipo de alimento é vendido como uma opção saudável para o café da manhã, o que não passa de uma grande farsa.

Os cereais são repletos de açúcar e carboidratos, além do próprio glúten. Não se engane com a embalagem indicando que os cereais são enriquecidos com vitaminas e minerais, afinal, esses nutrientes não são capazes de suprir as necessidades do organismo.

5. Leite de vaca

O leite de vaca é uma opção que não recomendo em nenhum momento, porém, especialmente no café da manhã. Em primeiro lugar, porque o leite costuma vir acompanhado do cereal, do bolo ou do pão, o que agrava seus maus efeitos.

O leite de vaca é um dos alimentos mais inflamatórios que existe. Originalmente, existe para alimentar bezerros. No entanto, a produção da maneira como é, massiva, faz que esse leite chegue até o supermercado repleto de hormônios da vaca e outros aditivos.

Ninguém deve parar de consumir leite devido a alergia ou intolerância, mas sim, porque não é necessário. Se você fica com receio de que faltem nutrientes ao seu organismo, fique tranquilo.

O cálcio pode ser obtido a partir do consumo de vegetais folhosos e da exposição ao sol. O leite de vaca não é a única fonte de cálcio. Inclusive, pode causar problemas como dermatites, rinite e sinusite, além da constipação ao longo do dia quando usado no início do dia.

Quando me refiro ao leite de vaca, isso abrange derivados como queijo, requeijão, creme de leite, entre outros.

Sempre que um paciente chega ao consultório cheio de queixas em relação a saúde e disposição, indico fazer a experiência de retirar esses alimentos do café da manhã.

Eu espero que você entenda por que é importante entender por que devemos evitar esses alimentos no café da manhã.

Para saber mais, te convido a assistir ao vídeo abaixo onde falo mais sobre o assunto e a se inscrever em meu canal do YouTube.