You are currently viewing Seus genes estão fazendo você envelhecer?

Seus genes estão fazendo você envelhecer?

O que nos faz envelhecer? A resposta é baseada em três fatores: pela genética, pelo meio ambiente e pelo estilo de vida. 

As melhorias ambientais a partir de 1900 aumentaram drasticamente a expectativa de vida média. Isso foi possível com melhorias significativas na disponibilidade de alimentos e água potável, melhores condições de moradia e vida, redução da exposição a doenças infecciosas e acesso a cuidados médicos. 

Mais significativos foram os avanços da saúde pública que reduziram a morte prematura, diminuindo o risco de mortalidade infantil, aumentando as chances de sobreviver à infância e evitando infecções e doenças transmissíveis. 

Agora, as pessoas nos Estados Unidos vivem cerca de 76,6 anos, mas algumas pessoas vivem por muito mais tempo.

Por isso, saber o que nos faz envelhecer, e o que podemos fazer para termos uma longevidade saudável, é fundamental. E algumas respostas para estas questões apresento no artigo abaixo!

O que diz a ciência

Os cientistas estão estudando pessoas na casa dos 90 e 100 anos para determinar o que contribui para suas vidas longas. 

Eles descobriram que pessoas longevas têm pouco em comum entre si em termos de educação, renda ou profissão. 

As semelhanças que eles compartilham, no entanto, refletem seus estilos de vida — muitos são não fumantes, não são obesos e lidam bem com o estresse. Além disso, a maioria são mulheres. 

Por causa de seus hábitos saudáveis, esses adultos mais velhos têm menos probabilidade de desenvolver doenças crônicas relacionadas à idade, como hipertensão, doenças cardíacas, câncer e diabetes, do que seus colegas da mesma idade.

O estudo dos genes da longevidade é uma ciência em desenvolvimento. Estima-se que cerca de 25% da variação na expectativa de vida humana é determinada pela genética, mas quais genes, e como eles contribuem para a longevidade, não são bem compreendidos. 

Algumas das variações comuns (chamadas polimorfismos) associadas com longevidade são encontradas nos genes APOE , FOXO3 e CETP, mas não são encontradas em todos os indivíduos com longevidade excepcional. 

É provável que variantes em vários genes, alguns dos quais não identificados, ajam em conjunto para contribuir para uma vida longa.

Leia também::: Benefícios da dieta da longevidade e como ela funciona

Impacto do estilo de vida

Estudos de sequenciamento do genoma completo de supercentenários identificaram as mesmas variantes do gene que aumentam o risco de doenças em pessoas com expectativa de vida média. 

Os supercentenários, entretanto, também têm muitas outras variantes genéticas recentemente identificadas que possivelmente promovem a longevidade. 

Os cientistas especulam que, nas primeiras sete ou oito décadas, o estilo de vida é um determinante mais forte da saúde e da longevidade do que a genética. 

Comer bem, não beber álcool, evitar o fumo e manter-se fisicamente ativo permitem que algumas pessoas atinjam uma longevidade saudável.

Dessa forma, a genética, então, parece desempenhar um papel cada vez mais importante em manter os indivíduos saudáveis ​​à medida que chegam aos 80 anos e além. 

Muitos nonagenários e centenários são capazes de viver de forma independente e evitar doenças relacionadas à idade até os últimos anos de suas vidas.

Leia também::: Aprenda como o envelhecimento é diferente para homens e mulheres

Viva com saúde

Apesar dos estudos indicarem que os genes representam um papel fundamental no processo de envelhecimento, o estilo de vida que escolhemos também tem seus impactos diretos.

É por isso que, mais que viver muitos anos, devemos ter como meta viver muitos anos com saúde e disposição. Afinal, de nada adianta termos uma idade avançada e uma saúde bastante debilitada.


E para conseguir isso, devemos fazer nossas mudanças no estilo de vida hoje. Comer bem, dormir bem, praticar atividades físicas, evitar o estresse, tudo isso se soma para que possamos ter uma longevidade saudável.

Portanto, não perca mais um dia da sua vida e comece sua mudança agora mesmo. E se deseja mais informações sobre como envelhecer com saúde, siga também meu canal do Youtube! Lá compartilho muitas dicas e informações!

Deixe um comentário